F1: Wolff quer avaliar com calma nova promessa da Mercedes para vaga de Hamilton

Toto Wolff, chefe da Mercedes, comentou a possibilidade de Kimi Antonelli ocupar a vaga deixada por Lewis Hamilton na equipe a partir de 2025. No entanto, ele ressaltou que a decisão sobre o futuro do piloto na Fórmula 1 não será tomada tão cedo.

Com a saída de Hamilton para a Ferrari a partir de 2025, a Mercedes está em busca de um novo companheiro de equipe para George Russell. A vaga na equipe desperta o interesse de diversos pilotos devido ao histórico de sucesso recente da equipe na categoria.

Dentre os candidatos cogitados, surge o nome de Antonelli, piloto júnior da Mercedes. O italiano fará sua estreia na Fórmula 2 em 2024, após conquistar o título da Fórmula Regional Europeia no ano passado.

Apesar do interesse, Wolff destacou que não tomará uma decisão precipitada. Ele lembra da pouca experiência do jovem piloto e a intenção de não colocá-lo sob pressão.

“Quero tirar um pouco de pressão dele. Ele tem 17 anos e venceu tudo que precisava vencer em sua temporada de estreia, mas acho que ele será um piloto de Fórmula 1. Será um piloto de muito sucesso na categoria, mas ainda nem começou sua temporada na Fórmula 2”, disse Wolff.

“Vamos ver como ele se desenvolve. Quero esperar as primeiras corridas da F2 que acontecerão junto com a Fórmula 1. Existem vários pilotos muito bons disponíveis para o ano que vem e isso será levado em consideração na decisão sobre a dupla de pilotos, mas isso não acontecerá em breve”, finalizou o chefe da Mercedes.