F1: Sauber vê potencial para pontuar em breve

A Sauber (Stake F1 Team) acredita que o carro C44 demonstrou no GP da Austrália de Fórmula 1, ter ritmo suficiente para lutar por pontos em todas as corridas em 2024.

O time suíço ficou animado com o desempenho no circuito de Albert Park, apesar de não ter conseguido pontuar pela terceira corrida consecutiva na atual temporada.

Alessandro Alunni Bravi, chefe da equipe, acredita que o progresso de Valtteri Bottas para o Q2 e seu ritmo promissor na corrida, mostraram que a equipe pode brigar por pontos regularmente.

Bravi reconheceu que somar pontos para o campeonato de construtores será vital, já que as cinco equipes da frente permanecem imbatíveis.

“Claro que sabemos que este campeonato será extremamente competitivo, e a disputa será muito dura até a última corrida”, disse Bravi ao Autosport. “Fizemos três corridas, e estaríamos mais preocupados se não tivéssemos ritmo para lutar pelos pontos, mas sabemos que temos esse ritmo. A Austrália foi uma confirmação disso, então precisamos olhar para frente com confiança. Esse é o ponto positivo que podemos tirar da corrida”, afirmou Bravi.

Apesar dos sinais positivos, a equipe de Hinwil ainda lida com problemas nos pit stops que a atrapalharam no início de 2024.

Bravi garante que a Sauber está procurando resolver essa questão o mais rápido possível, e está otimista de que os pontos serão possíveis quando a equipe puder realizar finais de semana mais tranquilos.

“Assim que tivermos corrigido esse problema no pit stop, e queremos corrigi-lo o mais rápido possível, teremos outras oportunidades de pontuar, porque este é o nível que o nosso carro mostrou agora, que podemos estar na posição de lutar por pontos em todas as corridas”, disse Bravi.

Para a corrida em Melbourne, a Sauber introduziu uma nova asa dianteira que contribuiu para uma performance melhor, e mais atualizações devem chegar para o final de semana em Suzuka.

“Esse é o ponto positivo que podemos tirar da corrida. Também melhoramos com a nova asa dianteira, tanto na sessão de classificação quanto na corrida, obtendo um bom equilíbrio. No Japão, teremos também uma nova atualização, a terceira da temporada nas primeiras quatro corridas. A prioridade agora é resolver esses problemas de pit stop o mais rápido possível”, concluiu Bravi.