F1: Sainz frustrado com desempenho da Ferrari em Ímola

A Ferrari chegou para o GP da Emília-Romanha de Fórmula 1 com um pacote significativo de atualizações, mas a alegria durou pouco para Carlos Sainz. Diante da torcida italiana, o piloto espanhol terminou a corrida apenas na quinta colocação e não escondeu sua decepção com o resultado.

Mesmo com o desempenho abaixo do esperado, Sainz fez questão de absolver as atualizações da culpa pela falta de ritmo do carro. “Hoje simplesmente nos faltou ritmo. Não estou nada feliz porque acho que, depois da sessão de classificação de ontem, vimos algo no carro que talvez não esteja funcionando como o esperado. Também tivemos alguns problemas com o ERS (sistema de recuperação de energia). Então, hoje foi uma corrida para minimizar o estrago depois do que vimos ontem. Todo o final de semana estivemos atrás dos outros pilotos, o que não é ideal”, disse Sainz à imprensa.

Enquanto Charles Leclerc chegou a ameaçar Lando Norris pela segunda posição, Sainz não conseguiu acompanhar o ritmo do companheiro de equipe que subiu ao pódio. No entanto, o espanhol não desanimou completamente com as atualizações introduzidas pela Ferrari.

“Há algo no lado da marcha lenta do motor e também no ERS que precisamos investigar. Foram alguns problemas ao longo de toda a corrida que me atrapalharam, principalmente no primeiro stint. Então, é algo para analisar. Acho que é mais uma questão diferente e não as atualizações. Mas não posso entrar em detalhes”, finalizou Sainz.

Apesar do resultado negativo, a Ferrari ainda lidera o Campeonato de Construtores sobre a McLaren, mas é importante ressaltar que Norris conquistou o primeiro e o segundo lugar nas últimas três corridas.

O F1MANIA.NET acompanha ‘in loco’ todas as atividades do GP da Emília-Romanha, diretamente de Ímola, com o jornalista Rodrigo França.