F1: Perez supera susto e vai largar em P2 na China

Sergio Perez se classificou em P2 para o grid de largada do GP da China de Fórmula 1, mas isso quase não aconteceu. O mexicano teve um começo de classificação ‘muito tenso’, por pouco não sendo eliminado logo no Q1.

Um toque com Alexander Albon, da Williams, na primeira volta obrigou Perez a abortar sua tentativa inicial. Com pneus usados, ele precisou se esforçar para conseguir uma volta boa o suficiente para avançar ao Q2, terminando a sessão inicial em 15º, com menos de meio décimo de vantagem para o eliminado.

“Foi bem tenso”, disse Perez. “Quase fui eliminado no Q1. Tive tráfego com um dos carros da Williams e tive que abortar minha volta. Voltei para a pista com pneus usados e só consegui passar em 15º. Foi um começo de classificação bem bagunçado. Depois, o Q2 foi um pouco mais tranquilo. Consegui entender melhor o equilíbrio do carro e fizemos um bom progresso ao longo da sessão.”

Apesar do susto inicial, Perez confia no acerto do carro da Red Bull para a corrida. O piloto de 34 anos busca sua primeira vitória em quase um ano, e acredita que o acerto para a prova será fundamental para brigar pelo lugar mais alto do pódio.

“Também mudamos o carro para se adaptar às condições, então espero que isso também dê resultado na corrida”, afirmou Perez. “Acho que está tudo em aberto. Podemos brigar lá na frente e definitivamente ter um ritmo forte. Mostramos hoje que temos um bom ritmo em longas passagens. Então, estou ansioso pela corrida”, finalizou o mexicano.