F1: Perez ainda não está adaptado ao novo carro da Red Bull

Apesar de ter conquistado dois segundos lugares consecutivos nas etapas do Bahrein e da Arábia Saudita, as duas primeiras corridas da temporada 2024 da Fórmula 1, Sergio Perez ainda não se sente totalmente confortável no RB20. O mexicano corre ao lado de Max Verstappen, que venceu as duas primeiras corridas do ano, mostrando que a Red Bull Racing segue forte na briga pelo campeonato.

Embora as equipes rivais acreditem em uma possível aproximação, o desempenho de Perez indica que o RB20 pode ser um carro um tanto quanto exigente de se pilotar. Na Arábia Saudita, por exemplo, o mexicano considerou que um treino de classificação ruim na sexta-feira prejudicou suas chances de brigar pela vitória.

“No momento, o carro não está super confortável para mim, mas estou entendendo muito mais como maximizar o desempenho”, disse Perez à imprensa antes da corrida na Arábia Saudita. “Isso é algo positivo para nós, mas no Bahrein eu não consegui um bom acerto.”

O piloto acredita que poderia ter largado na primeira fila, a apenas alguns décimos de Verstappen. “Deveria ter me classificado melhor, estamos falando de décimos de diferença. Na corrida, acabamos ajustando as configurações, mas não fomos bons em cuidar dos pneus. Por isso, minha briga foi mais contra Carlos Sainz do que contra Max”, completou Perez.

Apesar dos bons resultados iniciais, a falta de sintonia com o carro pode ser um ponto de atenção para a Red Bull e para o próprio Perez. O mexicano precisa se adaptar rapidamente ao RB20 para brigar de igual para igual com o companheiro de equipe, se quiser ter alguma chance de lutar pelo título no campeonato.