F1: Norris destaca evolução da McLaren e acredita em disuta por vitórias em 2024

Lando Norris afirmou que a McLaren encontrou as ‘peças-chave’ para o sucesso na temporada 2023 da Fórmula 1, deixando-o otimista de que a equipe está agora no caminho certo para o futuro.

Depois de admitir que havia perdido os alvos de desenvolvimento com seu carro MCL60 antes do início da temporada, a McLaren começou o ano lutando para evitar eliminações no Q1 e lutando para marcar pontos.

No entanto, a introdução de um pacote de atualização substancial a partir do GP da Áustria em julho, transformou a equipe sediada em Woking em uma concorrente regular na frente do grid.

Norris e seu companheiro de equipe novato, Oscar Piastri, acumularam um total de nove pódios ao longo do ano para elevar a McLaren à quarta posição no Campeonato de Construtores.

Enquanto Ferrari e Mercedes admitiram abertamente que buscarão novos conceitos, as tentativas da McLaren de superar a Red Bull serão reforçadas pela construção de um carro de 2023 atualizado que respondeu favoravelmente a quaisquer novos desenvolvimentos que acrescentou posteriormente no ano.

Norris acredita que a McLaren tem muitas áreas a melhorar, apesar de sua notável recuperação no meio da temporada, e está animado com o fato da equipe garantir que está indo na direção correta.

“Para nós, pegarmos a Mercedes, pegarmos a Ferrari, em termos de ritmo, estamos atrás deles há dois anos”, reconheceu Norris. “Eles realmente não deram nenhum passo à frente e nós demos um passo massivo à frente com muitas outras coisas que sabemos que podemos melhorar. Então, acho que é um bom momento para nós. Mais algumas peças do quebra-cabeça para juntar, mas encontramos as peças-chave e sabemos em que direção ir. Muito orgulhoso de toda a equipe.”

“Se estivéssemos no Bahrein agora, e olhássemos para frente, já estaria temendo a temporada, então sete pódios, todos os grandes momentos que tivemos, definitivamente não eram esperados, recorde mundial de parada nos boxes, a equipe fez um trabalho incrível em tantas áreas, talvez não foi o fim de semana que queríamos para terminar a temporada com o quinto lugar em Abu Dhabi, mas estou orgulhoso e estamos no caminho certo”, acrescentou.

Após seu início de temporada sem brilho, a McLaren anunciou em março que o ex-diretor técnico, James Key deixaria a equipe imediatamente.

A saída de Key coincidiu com a confirmação de que a equipe havia garantido o retorno de David Sanchez da Ferrari, com o time também confirmando a contratação de Rob Marshall (Engenharia e Design) da Red Bull. A dupla começará a trabalhar em Woking em 2024 ao lado de Peter Prodromou, como parte de uma nova estrutura técnica de três frentes que se reportará diretamente ao chefe da equipe, Andrea Stella.

Juntamente com sua chegada conjunta em janeiro, o carro de 2024 da McLaren será o primeiro a utilizar as instalações do novo túnel de vento da equipe, aumentando as esperanças de Norris para o próximo ano.

“Estou muito animado”, disse Norris. “Se tivéssemos começado esta temporada como estávamos no meio, estaríamos em P2 no Construtores e P2 entre os pilotos. Então eu sei que não é assim e nem sempre funciona assim, mas estamos no caminho certo”, disse ele.

“Temos algumas novas contratações e os caras que estão entrando, eles entram em 2024, então talvez nem tudo o que eles podem trazer para nós teremos no carro imediatamente, mas algumas coisas que já sabemos agora, quero dizer, aprendemos já nos últimos quatro, cinco, seis meses com o progresso que fizemos, aprendemos muito. Então, sim, estou animado apenas porque finalmente estamos no caminho certo, e sabemos em que direção pressionar e eu só quero começar a temporada bem, você sabe, se podemos começar bem no Bahrein, então ficarei muito mais animado”, concluiu Norris.