F1: Mercedes pode apostar em jovem piloto para substituir Hamilton

A Mercedes não quer cometer o mesmo erro do passado e perder a chance de contratar uma jovem promessa do automobilismo. Com a saída de Lewis Hamilton para a Ferrari a partir da temporada 2025 da Fórmula 1, a equipe alemã se prepara para o futuro e revelou que o contrato de Hamilton, assinado em 2023, continha cláusulas que permitiriam a contratação de Andrea Kimi Antonelli, piloto de 17 anos que atualmente disputa a Fórmula 2.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, comentou o caso: “Há alguns anos, tivemos a oportunidade de ter Max Verstappen, mas não tínhamos vaga disponível. Na época, Nico (Rosberg) e Lewis tinham contratos longos, e a Red Bull aproveitou a chance. Eles deram a ele um contrato com a Toro Rosso, com possibilidade de subir para a Red Bull no ano seguinte. Perdemos aquele jovem piloto, e todos vimos o sucesso que ele alcançou. É por isso que, tendo outro jovem talento em ascensão, quis manter essa opção em aberto.”

Apesar do interesse, Wolff prefere cautela e não quer colocar pressão sobre Antonelli. O piloto italiano, que integra a academia de jovens pilotos da Mercedes desde os 11 anos, é visto como um futuro campeão, mas Wolff acredita que ele precisa seguir um processo de desenvolvimento natural.

“Tivemos a surpresa da saída de Lewis na próxima temporada, anunciada no início de fevereiro, e quero fazer o oposto ao escolher o piloto para o ano que vem”, disse Wolff. “Observamos com muito prazer o crescimento de Kimi (Antonelli) como piloto e como pessoa. Mas também quero aliviar um pouco a pressão sobre ele. Ele tem apenas 17 anos. Ele venceu tudo o que precisava nas categorias de base. Ele estará na Fórmula 1 e será um piloto muito, muito bem-sucedido no futuro”, concluiu o chefe da Mercedes.

Wolff finalizou, dizendo que a decisão final sobre o substituto de Hamilton em 2025 só será tomada após analisar o desempenho de Antonelli nas primeiras corridas da Fórmula 2. Na primeira etapa da F2, realizada no último final de semana no Bahrein, o jovem italiano enfrentou algumas dificuldades e não teve um bom desempenho.

O F1MANIA.NET acompanha ‘in loco’ o GP da Arábia Saudita com o jornalista Rodrigo França direto de Jeddah.