F1: Marko aponta origem dos rumores sobre substituição de Riccirado

O consultor da Red Bull Racing, Helmut Marko, comentou sobre a origem dos recentes rumores de uma possível substituição de Daniel Ricciardo na equipe RB, ainda durante a atual temporada da Fórmula 1. De acordo com Marko, as especulações teriam partido do staff do piloto neozelandês Liam Lawson, reserva da Red Bull Racing e da RB.

Ricciardo vem enfrentando dificuldades no início de 2024. Seu companheiro de equipe, Yuki Tsunoda, vem tendo desempenhos melhores nas corridas realizadas até agora este ano. Com isso, surgiram manchetes na Nova Zelândia indicando que o australiano poderia perder a vaga na RB em 2025, ou até mesmo ainda este ano.

Lawson impressionou nos cinco GPs que substituiu Ricciardo na temporada passada na então AlphaTauri, e é visto como próximo piloto da RB. No entanto, Marko afirmou que não há planos imediatos para troca de pilotos, atribuindo os rumores a vazamentos da equipe de gestão de Lawson.

“Os rumores de que Ricciardo será substituído por Liam Lawson em Ímola são absurdos”, escreveu Marko em sua coluna para o Speedweek. “O empresário de Liam, aparentemente tem certos sonhos e os divulga através de alguns meios de comunicação, inclusive na Nova Zelândia. Não há absolutamente nada planejado para Ímola. Mas é claro que vamos analisar isso no futuro.”

Apesar do início complicado, Ricciardo respondeu aos críticos no último fim de semana em Miami. Ele conquistou um excelente quarto lugar na corrida Sprint, marcando o melhor tempo no terceiro setor.

“Daniel também teve um desempenho notável na Sprint”, continuou Marko. “O quarto lugar foi sensacional e ele marcou o tempo mais rápido no setor três. Esse setor consiste principalmente de curvas lentas. Se você pilotar com precisão ali, ganha um tempo incrível. E se cometer um erro, é duplamente punido devido à baixa velocidade.”

No entanto, o australiano não saiu do Q1 na sessão de classificação para o GP e não conseguiu pontuar, terminando a corrida principal na modesta 15ª colocação. Enquanto isso, Tsunoda conquistou um sólido sétimo lugar na corrida principal, consolidando a sétima posição da Red Bull no campeonato de construtores.

“Três horas depois, Ricciardo cometeu um erro no setor onde conquistou seu quarto lugar”, disse Marko. “Isso o colocou fora da janela ideal na sessõ de classificação e ele foi eliminado no Q1. Mas não foi só isso, pois Ricciardo também não alcançou a velocidade necessária no GP. Yuki marcou tempos consistentemente rápidos, enquanto Ricciardo carecia da velocidade e confiança que evidenciou na Sprint.”

A melhora pontual em Miami não garante a permanência de Ricciardo na RB. Marko deixou claro que a equipe avaliará o desempenho do australiano ao longo da temporada, e a sombra de Lawson como futuro piloto da equipe segue presente.