F1: Horner vê “reviravolta” da Red Bull durante etapa em Ímola

Max Verstappen conseguiu garantir a vitória do GP da Emília-Romanha da F1 sem grandes problemas. Entretanto, Christian Horner, chefe da Red Bull, reconheceu que para que as coisas dessem certo, foi por conta da grande reviravolta de um dia para o outro.

A passagem por Ímola não foi tão sem problemas para a equipe austríaca. O início do final de semana com os três treinos livres foi cercado de diversas questões, mas na classificação, as coisas voltaram a se encaixar -o tricampeão ficou com a pole, apesar de Sergio Pérez não avançar ao Q3.

Então, na corrida, o holandês conseguiu se manter na primeira posição por toda a corrida, com exceção do momento das paradas nos boxes. Foi apenas nas 15 últimas voltas que precisou lidar com a aproximação cada vez maior de Lando Norris, que cruzou a linha de chegada apenas 0s725 atrás do ponteiro.

Fazendo um balanço do final de semana, o dirigente da equipe austríaca reconheceu o perigo caso a prova da F1 no Autódromo Enzo e Dino Ferrari fosse um pouco mais longa.”Estaríamos vulneráveis em termos de combustível. Então, deu certo. Olhando para trás, talvez tivesse sido melhor usar o pneu duro na sexta-feira. Optamos por levar dois pneus duros novos para a corrida e talvez tivesse sido melhor ter a informação sobre o pneu”, falou.

“Mas quando você vê a reviravolta que tivemos de sexta para sábado para conseguir a pole e depois para conseguir a vitória novamente hoje, foi um desempenho fenomenal e uma reviravolta da equipe, mas Max também tem sido incrível neste fim de semana. E, novamente, ele teve que trabalhar muito duro tanto pela pole-position quanto pela vitória”, terminou.