F1: Horner nega atrito com Verstappen e Marko

Christian Horner, chefe da Red Bull, comentou durante a apresentação do RB20, sobre os rumores de conflitos internos na equipe. Após acusações de ‘comportamento inadequado’ e especulações sobre atrito com a família Verstappen e Helmut Marko, Horner garante inocência e enfatizou a união na equipe.

“Não, de forma alguma”, disse Horner ao Sky Sports sobre o suposto desacordo com a família Verstappen. “Eu estava com Jos e Max em Silverstone há alguns dias. Max está muito focado no trabalho dele, tem sido muito solidário e eu estou ansioso para a temporada com ele.”

Sobre as acusações pessoais, Horner se disse confiante em sua inocência e afirmou que só estava presente no lançamento do carro pois tem certeza disso. Por enquanto, o cronograma da investigação em andamento não foi revelado.

Quanto às especulações de uma briga interna pela liderança na equipe, Horner foi enfático: “Sempre haverá especulações, mas estamos juntos como uma equipe, sempre estivemos e continuaremos a estar”, concluiu se referindo ao consultor da Red Bull, Helmut Marko.

Com o início da nova temporada da Fórmula 1 se aproximando, o chefe da Red Bull tenta conter os rumores e ressalta a importância da união para alcançar os objetivos da equipe. É preciso aguardar o desenrolar da investigação para entender o impacto das acusações no futuro de Horner e na dinâmica interna da Red Bull.