F1: Horner continua à frente da Red Bull durante investigação

Christian Horner vai continuar como chefe da equipe Red Bull Racing, pelo menos por enquanto, apesar das alegações de comportamento inadequado e uma investigação em andamento realizada pela própria equipe. De acordo com informações da Sky Sports, enquanto a investigação sobre as acusações estiver em andamento, ele poderá manter suas atividades profissionais.

Embora a Red Bull tenha divulgado uma declaração sobre o caso de Horner mais cedo, não mencionou qualquer afastamento temporário. O canal de TV britânico, acredita que tudo seguirá como de costume enquanto a investigação estiver em andamento. A Sky Sports também reportou que Horner nega veementemente qualquer irregularidade.

Com essa decisão de permitir que Horner continue em suas funções durante a investigação, destaca a ênfase na presunção de inocência, mantendo um equilíbrio entre a seriedade das alegações e a necessidade de manter a estabilidade operacional da equipe. O desfecho dessa situação continua a ser aguardado, com as atividades da Red Bull na Fórmula 1 seguindo normalmente por enquanto.

Tais acusações não foram confirmadas oficialmente sobre o que seriam, apenas que teria sido comportmento indevido por parte de Horner, em relação a pelo menos um membro da equipe.