F1: Hamilton e Russell fazem shakedown com Mercedes W15

O tão esperado Mercedes W15 finalmente mostrou a cara na pista de Silverstone nesta quarta-feira, sendo pilotado por Lewis Hamilton e George Russell em um shakedown. O novo carro é a última chance de Hamilton com a equipe antes de sua mudança para a Ferrari na temporada 2025 da Fórmula 1, e representa uma grande esperança de retorno às vitórias e disputas pelo título após duas temporadas decepcionantes na era dos carros de efeito solo.

Com um novo chassi e caixa de câmbio, o W15 foi inteiramente projetado sob supervisão do diretor técnico James Allison, que voltou ao cargo no meio do ano passado. Diferente do problemático W14, o primeiro Mercedes desde 2011 a não vencer nenhum GP, o W15 conta com a influência total de Allison. Vale lembrar que, há um ano, durante o shakedown do W14, Hamilton reclamou da falta de atenção às suas preocupações sobre o design sem entradas de ar laterais, pressagiando as dificuldades que realmente ocorreram na temporada passada.

Além da nova aerodinâmica, o W15 apresenta um sutil retorno da tradicional pintura prateada da Mercedes, marcando o 90º aniversário da equipe. Com o shakedown realizado, a Mercedes se junta a Haas, Aston Martin, Ferrari, Red Bull, VCARB, e Stake F1 Team, em antecipação dos testes de pré-temporada que começam em 21 de fevereiro. Apenas Alpine e Williams ainda não realizaram seus shakedowns, antes do início oficial da temporada no Bahrein.