F1: Decisão da Williams confirma momento difícil na carreira de Sargeant

Em um duro golpe para sua carreira na Fórmula 1, o piloto americano Logan Sargeant foi retirado do GP da Austrália pela equipe Williams. A vaga foi ocupada por Alex Albon, que sofreu um forte acidente no TL1 o que provocou danos no carro que foram tão grandes, que não possibiltam reparos com a equipe longe da fábrica, pois seria necessário trocar o chassi.

A decisão polêmica foi tomada pelo chefe de equipe James Vowles, que classificou a falta de um terceiro chassi reserva como ‘inaceitável’. Com apenas um carro sobrando, Vowles optou por entregá-lo a Albon, piloto responsável por 27 dos 28 pontos conquistados pela Williams em 2023.

Mesmo reconhecendo a dificuldade da escolha, Vowles elogiou a ‘elegante aceitação’ de Sargeant, que se comprometeu a apoiar a equipe nos bastidores para buscar o melhor resultado possível. Albon também ressaltou o profissionalismo do jovem piloto americano, mas evitou se alongar no assunto.

“Ninguém quer perder o seu lugar no carro. Eu nunca desejaria que algo assim acontecesse”, afirmou Albon. “Logan sempre foi um ótimo profissional e um jogador de equipe desde o primeiro dia. Não será fácil para ele, mas agora meu único trabalho é maximizar o nosso potencial neste fim de semana e trabalhar com toda a equipe para garantir que façamos o melhor trabalho possível”, finalizou Albon.