Müller/Elias parte da primeira fila na abertura da Endurance Challenge em Estoril

A Equipe Farben, comandada pela dupla formada por Marçal Muller e Enzo Elias mostrou que o entrosamento é a chave para a busca pelo título da Endurance Challenge em 2024. Reeditando a parceria da temporada passada no carro da marca de tinta automotiva oficial da categoria, Muller e Elias disputaram até o último segundo a pole-position no Autódromo do Estoril, em Portugal.

A dupla ficou a apenas 0.013s da pole position para a etapa inaugural do certame de corridas longas e parte para a jornada de 300km ou 2h30 da primeira fila.

No classificatório que estreou um novo formato para a prova deste fim de semana, a dupla do bólido #544 enfrentou três sessões de 12 minutos para registrar suas melhores voltas. Cada piloto obrigatoriamente deveria participar de uma das sessões e a terceira ficando a critério da dupla. Elias foi o responsável pela primeira saída e logo mostrou que a Equipe Farben disputaria as primeiras posições. Após a sessão inaugural, o octacampeão da Porsche Cup colocou a máquina na segunda posição geral. Muller assumiu o comando do carro na segunda saída para a pista e repetiu o bom desempenho de seu companheiro, novamente colocando o #544 no top5.

A última sessão novamente ficou a encargo de Enzo Elias, que em sua melhor passagem registrou 1:38.380. Na melhor passagem de Muller, o gaúcho cravou 1:38.885, resultando na média de 1.38.632.

A primeira prova de Endurance de 2024 tem largada prevista para às 08:00 no horário de Brasília, com transmissão na íntegra das mídias sociais da Porsche Cup.

O que eles disseram:

“Um pouco frustrante para nós, a gente tinha velocidade para ir além. O formato do quali atrapalhou o Enzo, que pegou um carro mais lento em uma volta que ele vinha cerca de três décimos mais rápido e isso nos colocaria na pole. Faz parte do jogo, agora é focar na corrida de amanhã e fazer um bom trabalho para brigar pela vitória.”
Marçal Muller

“Foi um quali interessante para o nosso lado, estávamos confortáveis com o carro e mostramos muita velocidade. Alguns incidentes que não gosto de me apoiar sobre aconteceram ao longo da sessão e influenciaram o resultado, fui muito atrapalhado na minha volta e perdemos a pole nisso. O carro é rápido, eu e o Marçal estamos bem também e a corrida é muito longa, então acredito que a gente possa brigar pela vitória amanhã. Adoro este carro e o Estoril também e estou feliz de estar de volta na Porsche Cup.”
Enzo Elias