Veja 23 curiosidades das 500 Milhas de Indianápolis de 2023

A edição de número 107 das 500 Milhas de Indianápolis será disputada apenas no próximo domingo (28) no Indianapolis Motor Speedway, mas já pode ser considerada uma das mais importantes da história. Prova disso são alguns números alcançados pelos pilotos que integrarão o grid já estão marcados na história da corrida.

Pole position com a sequência de voltas mais rápida da história, Álex Palou também se tornou o primeiro espanhol a garantir a pole position para a mais importante corrida do esporte a motor americano. Katherine Legge, por sua vez, se tornou a mulher mais veloz da história, garantindo a 29ª posição no grid para o domingo.

A corrida contará com nove pilotos que já venceram a Indy 500 em pelo menos uma oportunidade. Por outro lado, quatro competidores farão a estreia no oval de 2,5 milhas, tentando completar as 200 voltas da prova. Entre eles está Agustín Canapino, que será o primeiro argentino a correr as 500 Milhas de Indianápolis em 63 anos.

Pensando nisso, F1Mania.net separou 23 curiosidades sobre a edição da temporada de 2023 das 500 Milhas de Indianápolis. Confira abaixo:

1º – Álex Palou se tornou o primeiro espanhol a faturar a pole position da Indy 500
2º – A pole position de Álex Palou é a mais rápida da história da Indy 500, com 234.217 mph
3º – O recorde de velocidade na pole position foi batido pelo terceiro ano seguido
4º – A diferença entre Álex Palou e Rinus VeeKay foi de apenas 0.006 mph, a segunda menor da história da disputa pela pole position.
5ª – Katherine Legge se tornou a mulher mais rápida da história de Indianápolis ao obter média de 231.596 mph na classificação.
6º – Nove mulheres já disputaram a Indy 500 (Janet Guthrie, Lyn St. James, Sarah Fisher, Danica Patrick, Milka Duno, Simona de Silvestro, Bia Figueiredo, Pippa Mann e Katherine Legge)
7ª – Nove pilotos vencedores da Indy 500 disputarão a 107ª edição (Scott Dixon, Alexander Rossi, Takuma Sato, Tony Kanaan, Marcus Ericsson, Will Power, Ryan Hunter-Reay, Helio Castroneves, Simon Pagenaud)
8º – Entre eles, são 13 vitórias, quatro de Castroneves, duas de Sato e uma de cada um dos outros pilotos
9º – Quatro novatos disputarão a prova deste ano (Benjamin Pedersen, Agustín Canapino, RC Enerson e Sting Ray Robb)
10º – Helio Castroneves chegará a 23 participações na Indy 500
11º – Tony Kanaan chegará a 22 participações na Indy 500
12º – O recorde de participações nas 500 Milhas de Indianápolis como piloto é de AJ Foyt, com 35 largadas. Ele ainda atua como dono de equipe
13º – Scott Dixon é o piloto com mais voltas lideradas nas 500 Milhas de Indianápolis, com 665 voltas
14º – Tony Kanaan é o piloto mais velho do grid, com 48 anos e 148 dias completos no dia da corrida
15º – David Malukas é o piloto mais novo do grid, com 21 anos e 243 dias completos no dia da corrida
16º – Agustín Canapino é o primeiro argentino a se classificar para a Indy 500 desde Raúl Riganti, em 1940
17º – 19 pilotos do atual grid lideraram ao menos uma volta na carreira na Indy 500
18º – A fila mais experiente do grid é a terceira, com 41 largadas (7 de Rossi, 13 de Sato e 21 de Kanaan)
19º – A fila menos experiente do grid é a décima, com três largadas (uma de Ilott, nenhuma de Enerson e duas de Legge)
20º – 19 dos 33 pilotos do grid passaram pela Indy NXT em alguma das fases da categoria de acesso
21º – O nono colocado no grid de largada, posição de Tony Kanaan, venceu a corrida uma única vez
22º – O 20º colocado no grid de largada, posição de Helio Castroneves, venceu a corrida três vezes
23º – Pilotos que largaram da 18ª, 23ª, 24ª, 26ª, 29ª, 30ª, 31ª, 32ª e 33ª posições jamais venceram a Indy 500