O’Ward lidera treino tumultuado da Indy em Detroit

Pato O’Ward foi o piloto mais rápido do primeiro treino livre para a disputa do Grande Prêmio de Detroit, sétima etapa da temporada 2023 da Indy. Em uma sessão das mais acidentadas no circuito montado nas ruas do centro da cidade americana, o piloto da McLaren aproveitou a parte final do exercício para registrar 1min03s0773 na melhor das suas voltas nesta sexta-feira (2).

A segunda colocação ficou com Scott Dixon, piloto da Chip Ganassi que foi 0s0986 mais lento em relação ao tempo obtido por O’Ward. Kyle Kirkwood, com um equipamento da Andretti Autosport, anotou o terceiro melhor tempo, ficando à frente de Álex Palou, líder do campeonato e piloto da Chip Ganassi. Felix Rosenqvist, da McLaren, completou o grupo dos cinco melhores.

Alexander Rossi, mais um piloto da McLaren, fechou a sessão com o sexto melhor tempo, ficando à frente de Will Power, sétimo com a Penske. Colton Herta, piloto que defende a Andretti, anotou o oitavo tempo, enquanto Callum Ilott, da Juncos Hollinger, foi o nono. Scott McLaughlin, piloto da Penske, fechou a sessão com o décimo tempo. Helio Castroneves foi o 26º com a Meyer Shank.

A sessão contou com algumas bandeiras vermelhas. A primeira foi provocada por Agustín Canapino, piloto da Juncos Hollinger que ficou parado na pista após passar reto em uma das curvas e deixar o carro morrer. Depois, com 44 minutos para o final, Graham Rahal escapou da pista e também ficou parado. Marcus Ericsson foi o terceiro a causar uma interrupção, sendo seguido por Scott McLaughlin. Devlin DeFrancesco e Álex Palou rodaram na curva 3, causando a quinta paralisação. Por fim, O’Ward rodou na curva 8.

O sábado da Indy contará com o segundo treino livre, a partir das 10h05, e a classificação, às 14h20. O Grande Prêmio de Detroit será disputado no domingo, às 16h.