F1: Vasseur diz que “estranhamente não estou negativo” sobre desempenho da Ferrari

Frédéric Vassur ainda não jogou a toalha quanto ao desempenho recente da Ferrari na temporada 2024. O chefão da equipe italiana afirmou que não tem se sentido negativo com a queda recente da escuderia de Maranello nas últimas etapas.

Carlos Sainz e Charles Leclerc já venceram no campeonato deste ano. Enquanto o espanhol triunfou na Austrália, etapa seguinte a de sua operação de apêndice, o monegasco deixou a maldição para trás e subiu ao degrau mais alto do pódio justamente em sua corrida caseira no Principado.

Entretanto, após a corrida em Monte-Carlo, as coisas não têm estado fáceis na equipe do cavalo rampante. Ainda que Sainz conseguiu salvar uma terceira colocação no GP da Áustria do último final de semana – mas Leclerc, por exemplo, terminou fora da zona de pontos.

Ao ser questionado sobre as visões contrastantes da dupla de pilotos sobre os problemas da Ferrari, Vasseur afirmou que “primeiro, problemas é uma palavra muito forte. Mas, com certeza, como sempre, mesmo quando faz a pole-position, e mesmo quando vence a corrida, você tem problemas no carro”, continuou.

“Se você não tem problemas, está no começo do fim. Mas mudamos massivamente o carro entre a manhã do sábado e tarde do sábado. Acho que será benéfico termos treinos em Silverstone, também se o tempo estiver bom, fazer uma checagem em tudo”, seguiu.

“Mas estranhamento, não estou negativo sobre o desempenho. Estranhamento, porque estamos na corrida, estamos muito longe de Max. Mas tinha a sensação de que conseguiríamos mais hoje”, completou.