F1: Repórter manda recado a Norris após Áustria: “Bem-vindo ao mundo de Verstappen”

Lando Norris agora entrou em uma seleta lista de competidores que experimentaram o gosto de brigar contra Max Verstappen na F1. Quem diz é o repórter Ted Kravitz, que apontou outros grandes nomes de campeões e vencedores que compõe o ‘livro’ de disputas.

Todo o desenrolar do GP da Áustria começou com o lento pit-stop da Red Bull. Naquela que seria a última entrada nos boxes, o holandês demorou 6s para trocar os pneus e quando retornou à pista, o britânico já estava colado em sua traseira. Após algum bom tempo de briga, o toque, abandono do piloto da McLaren e quinta colocação final para Max.

“O que vimos hoje é o último capítulo na história de pilotagem de Max Verstappen. Se alguém for escrever um livro sobre como brigar contra Max, você talvez precise dar para Lando Norris, e já disse antes, mas bem-vindo ao mundo de Verstappen, ou tentar brigar contra Verstappen”, disse Kravitz na Sky Sports.

“Tem capítulos de Charles Leclerc, Lewis Hamilton, Sebastian Vettel, Daniel Ricciardo, Kimi Räikkönen, e muitos outros”, completou.

“Max não vai ceder”, continuou Kravitz. “Mas minha opinião é dividida porque grandes pilotos não cedem. Michael Schumacher nunca cedeu, e Ayrton Sena nunca cedeu. Andrea Stella foi muito crítico e disse que hoje foi um produto de quando você não reprime coisas que são permitidas e corridas e não são permitidas nas corridas, como o Brasil com Max e Lewis [Hamilton] em 2021, e quando você não reprime isso, isso leva a incidentes como o de hoje.”