F1: Hamilton lamenta a ‘frustrante’ classificação para o Sprint

Após se classificar em P6 para a corrida Sprint do Grande Prêmio da Áustria de F1, o piloto da Mercedes Lewis Hamilton lamentou a sessão “desastrosa” e as “voltas muito ruins” que podem impedir um bom resultado na corrida sprint de amanhã. “Eu não estava na disputa de forma alguma”, declarou Hamilton após o final da sessão. Em vez de gastar muita energia pensando no sprint, o piloto da Mercedes afirmou que está voltando sua atenção para a classificação para o Grande Prêmio de domingo.

Após a classificação, Hamilton falou com a imprensa e afirmou que “não estava na disputa de forma alguma” durante a classificação para o sprint e que “toda a sessão foi bastante desastrosa do meu ponto de vista. O que posso dizer? Os treinos foram bons. O carro geralmente se sentiu bem. Obviamente, não acho que tínhamos o ritmo para estar na pole, mas sim, voltas muito ruins.”

A sessão de classificação para o sprint de Hamilton começou mal devido a um grande deslize no SQ1. O incidente resultou em um tempo de volta deletado, e só nos momentos finais da sessão Hamilton conseguiu marcar um tempo de volta bom o suficiente para o 11º lugar. Ele avançou para o SQ3 e ficou colado à asa traseira do companheiro de equipe George Russell ao sair dos boxes. Os pilotos da Mercedes foram alguns dos primeiros a marcar seus tempos no SQ3, mas foram rapidamente superados por Max Verstappen e ambos os McLaren. Russell se classificou em quarto, com Hamilton em sexto. A Ferrari de Carlos Sainz separou os companheiros de equipe.

Com oportunidades de estratégia limitadas e ainda menos chances de ultrapassagem, Hamilton já está voltando sua atenção para a classificação do dia da corrida e para o Grande Prêmio de domingo. “Não acho que a ultrapassagem seja incrível aqui, mas vamos dar o nosso melhor. Normalmente não é uma corrida tão cheia de eventos. Então, acho que o foco será principalmente em conseguir uma qualificação melhor amanhã,” finalizou Hamilton.