F1: Haas vê sinais positivos em atualizações do VF-23 antes do GP do México

Após um fim de semana de corrida nos Estados Unidos marcado por mudanças significativas no VF-23, os pilotos da Haas, Nico Hulkenberg e Kevin Magnussen, estão cautelosamente otimistas sobre o desempenho do carro. Ambos notaram uma melhora após as alterações, especialmente no gerenciamento de pneus, uma área em que a equipe vem enfrentando desafios.

No Grande Prêmio dos Estados Unidos, realizado em Austin, a Haas optou por uma abordagem ousada. Eles foram a última equipe a adotar a solução de sidepod de downwash, uma decisão que consideram acertada. “Foi a primeira vez que vimos sinais positivos e etapas foram tomadas”, disse Hulkenberg, ressaltando a melhora no gerenciamento de pneus.

Magnussen, que já havia alertado que o foco da equipe estava no desenvolvimento para o próximo ano, concordou com a visão de Hulkenberg. “Vimos alguns sinais positivos de que as atualizações estão abordando algumas das nossas fraquezas”, comentou o piloto dinamarquês.

Contudo, os desafios permanecem, especialmente considerando o GP do México deste fim de semana. O Autódromo Hermanos Rodriguez apresenta condições específicas devido à sua alta altitude, o que exige ajustes especiais no resfriamento dos carros. “Aqui você precisa rodar o carro em uma configuração muito diferente, o resfriamento é extremo devido à altitude”, explicou Magnussen.

Hulkenberg adicionou que as condições únicas do México sempre apresentam desafios. “É sempre desafiador, todos os anos. Mas é apenas uma questão de maximizar nosso pacote e colocar o melhor carro possível na pista”, disse.

Os dois pilotos cederam seu espaço no TL1 para outras atividades da equipe, permitindo mais tempo para ajustes no carro. A Haas espera utilizar o formato de fim de semana convencional no México para aprender mais sobre suas atualizações e como elas se comportam em diferentes condições.

As expectativas para o GP do México são mistas, dado que a equipe ainda está em uma fase de adaptação e aprendizado com o VF-23 atualizado. No entanto, os sinais iniciais são promissores, e tanto Hulkenberg quanto Magnussen estão ansiosos para ver como as atualizações se saem na pista este fim de semana.

Com a equipe ainda buscando seu lugar na temporada, todos os olhos estarão voltados para a Haas no México. A expectativa é que as atualizações recentes se mostrem eficazes, permitindo à equipe americana dar um passo adiante em sua busca por pontos e melhorias consistentes.

É seguro dizer que o GP do México será um teste crucial para a Haas, onde a equipe terá a oportunidade de validar se as mudanças no VF-23 foram realmente eficazes e se estão no caminho certo para o desenvolvimento futuro.