F1: Gasly reflete sobre futuro na Alpine após anúncio da saída de Ocon

Pierre Gasly, piloto da Alpine, compartilhou suas reflexões sobre o futuro na equipe após o anúncio da saída de seu companheiro de equipe, Esteban Ocon.

A Alpine revelou recentemente que Ocon não renovará seu contrato e deixará a equipe ao final desta temporada. Enquanto a especulação sobre quem substituirá Ocon em 2025 continua, Gasly enfrenta sua própria incerteza, já que seu contrato atual está próximo do fim.

Questionado sobre como a partida de Ocon afetaria seus planos, Gasly afirmou: “Para ser honesto, absolutamente nada. Acho que, no momento, está bem claro a posição em que estou, e sim, para o meu futuro no momento, não tenho realmente nada para anunciar. E então, sim, vocês saberão a seu tempo.”

Apesar de ser provável que Gasly estenda seu contrato com a Alpine, ele destacou que não está com pressa para tomar uma decisão. “Eu não tenho um prazo. Particularmente, e acho que o mercado no momento está bastante aberto e todo mundo está ciente das oportunidades disponíveis. Então, não, no momento, não quero dar muitos detalhes sobre isso. Acho que tudo está indo bem e estamos em discussões. E é isso,” disse Gasly.

Sobre seu relacionamento com Ocon, Gasly reconheceu que, embora tenha havido desafios, os dois têm trabalhado bem juntos desde a última temporada. “É uma longa história entre Esteban e eu”, admitiu. “E acho que até agora, nos últimos um ano e meio, conseguimos trabalhar e cooperar de forma muito profissional. Nem sempre foi fácil, como você imagina de dois pilotos muito competitivos. Mas sim, considerando a história entre nós, acho que tem sido bom. Então, sim, direi que vou me ater a essas linhas,” finalizou.